23.11.13

Aula Magna

Nunca é demais
se por menos
tocam sinos a rebate

(por motivos
de somenos
comparados com o ataque)

resistir
romper a teia
combater a urdidura

do medo
que arroteia
a trama da ditadura

Domingos da Mota

[inédito]

Sem comentários:

Enviar um comentário